Em casa: Lionel Bulmer

24 01 2021

Chá na casa de campo

Lionel Bulmer (GB, 1919 – 1992)

óleo sobre tela, 51 x 41 cm





Agradecimentos

23 01 2021

Este livro está à venda nos seguinte locais:

Amazon do Brasil

Livraria da Travessa no Rio de Janeiro

e direto na própria editora no seguinte link:

https://www.autografia.com.br/produto/a-meia-voz-2/

Haverá edição em e-book em breve. Agradeço todos os contatos.

Livro lançado durante a pandemia do CORONA VIRUS no Rio de Janeiro. Não há como ter um volume autografado no momento. Não houve noite de autógrafos por causa das circunstâncias de saúde da cidade.

Caso precisem me contatar: ladyce@terra.com.br

GRATA!





Flores para um sábado perfeito!

23 01 2021

Vaso de flores, 1939

Leopoldo Gotuzzo (Brasil, 1887 – 1983)

óleo sobre madeira, 36 x 23 cm





Rio de Janeiro: uma joia tropical

22 01 2021

Praia com figuras

Georgina de Albuquerque (Brasil, 1885 – 1962)

aquarela sobre papel, 36 x 50 cm.





Eu, pintor: René-Xavier Prinet

21 01 2021

 Retrato do artista, c. 1910

René-Xavier Prinet (França, 1861 – 1946)

óleo sobre tela

Museu d’Orsay.





Hoje é dia de feira: frutas e legumes frescos!

20 01 2021

Limões amarelos, 1985

Paulo Reis (Brasil, 1962)

óleo sibre tela, 46 x 55 cm





Imagem de leitura: Charles Edward Perugini

19 01 2021

Leitura numa tarde de sol

Charles Edward Perugini (Italia/Inglaterra, 1839 – 1918)

Óleo sobre tela, 91 x 71 cm

Coleção Particular





Clássica descrição de personagem: Joaquim Manuel de Macedo

18 01 2021

Melancolia — [Série] 2010

Vik Muniz (Brasil, 1961)

digital C print, 180 x 227 mm

“Finos cabelos que de louros na infância se tinham ido de ano em ano tornando castanhos até se avizinharem da cor preta na juventude, belos e suaves olhos pardos e de langor natural e brando, rosto de um longo oval e de branco puríssimo sem a mais leve insinuação rósea nas faces, nariz um pouco aquilino, graciosa curva nos lábios, dentes formosos, orelhas pequenas e transparentes, queixo terminando demasiadamente agudo, pescoço alto e delgado, estatura média, corpo franzino e magro, cintura delicadíssima, braços mal torneados e menos grossos do que podiam ser de harmonia com o talho, mão e pés de mimosa perfeição; mais melancolia do que viveza nos modos, organização franca e exageradamente nervosa, imaginação inflamável, sande fraca, educação desvelada, e alma de anjo, tal era a princesa da casa e  rainha da festa.”

Em: Um noivo à duas noivas, Joaquim Manuel de Macedo, Rio de Janeiro, Garnier: 1879, TomoI, pp. 9-10





Em casa: Geneviève Dael

17 01 2021

À luz da lua

Geneviève Dael (França, 1947)

óleo sobre tela, 41 x 27 cm

 





Flores para um sábado perfeito!

16 01 2021

 Vaso com flores 

Francisco Manna (Itália, Brasil, 1879- 1943)

óleo sobre madeira,  33 x 40 cm








%d blogueiros gostam disto: