Curiosidade literária

13 10 2021

O ex-primeiro ministro da Inglaterra David Cameron (2010-2016) quando lançou seu livro, For the Record, em 2019, causou certo rebuliço na mídia.  Entre diferentes sessões fotográficas na biblioteca de sua casa, pelo fotógrafo Mark Harrison, promovendo suas memórias, David Cameron  removeu o volume da biografia de Hitler, por Ian Kershaw, da estante ao fundo das fotos. É claro que não há nada de estranho que alguém leia sobre a vida de personagens históricos, nem mesmo dos tiranos.  Mas numa época de radicalismos políticos parece que o ex-primeiro ministro da Inglaterra achou por bem desaparecer com qualquer objeto que pudesse ser mal interpretado.

Fonte: The Financial Times, 25 de abril de 2020





Rio de Janeiro, uma joia tropical

8 10 2021

Praia de Ipanema,1946

Manoel Santiago (Brasil, 1897 – 1987)

óleo sobre cartão, 26 x 19 cm





Hoje é dia de feira: frutas e legumes frescos!

6 10 2021

Natureza morta, pimentões

Omar Pellegatta (Italia, 1925 — Brasil, 2001)

óleo sobre tela, 49 x 50 cm





Curiosidade literária

5 10 2021

O ateliê, 1913

Harold Knight (GB, 1874–1961)

óleo sobre tela

 

O escritor Henri Beyle escreveu a maioria de suas obras sob o pseudônimo de STENDHAL.  Mas através de sua carreira literária utilizou alguns outros pseudônimos, entre eles: Cornichon e William Crocodile.





Em casa: Raimundo de Madrazo y Garreta

3 10 2021

Retrato de senhora

Raimundo de Madrazo y Garreta (Espanha, 1841- 1920)

óleo sobre tela sobre madeira, 76 x 63 cm





Flores para um sábado perfeito!

2 10 2021

Vaso com flores

Haydéa Santiago (Brasil,1896 -1980)

óleo sobre eucatex, 45 x 55 cm





Cajus, por Gandavo, 1576

1 10 2021

Cajus e pitanga

Jorge Mori (Brasil, 1932-2018)

óleo sobre placa, 16 x 22 cm

 

“Há outra fruta que nasce pelo mato em umas árvores tamanhas como pereiras, ou macieiras; a qual é da feição de peros repinaldos, e muito amarela. A esta fruta chamam cajus; tem muito sumo, e come-se pela calma para refrescar, porque é ela de sua natureza muito fresca, e de maravilha faz mal, ainda que se desmandem dela.  Na ponta de cada pomo destes, se cria um caroço tamanho como feição de fava; o qual nasce primeiro, e vem diante da mesma fruta como flor. A casca dele é muito amargosa em extremo, e o miolo assado é muito quente de sua propriedade, e mais gostoso que a amêndoa.”

 

Em: História da província de Santa Cruz, Gandavo [Pero Magalhães de Gandavo], organização de Ricardo M. Valle, São Paulo, Editora Hedra: 2008, p 91.





Palavras para lembrar: P. G. Wodehouse

30 09 2021

Família à beira-mar

Anthea Craigmyle (GB, 1933- 2016)

óleo sobre placa, 20 x 20 cm

“Não há mais certa base para uma boa amizade do que o gosto mútuo da literatura.”

P. G. Wodehouse





Hoje é dia de feira: frutas e legumes frescos!

29 09 2021

Pinha

Rose Fernandes (Brasil, contemporânea)

óleo sobre tela, 70 x 140 cm





Na boca do povo: escolha de provérbio popular

28 09 2021
Ilustração, Steve Noble.

A campo fraco, trabalhador forte.








%d blogueiros gostam disto: