Fernão Dias Paes Leme, poema de Afonso Louzada

8 03 2009

fernao-dias-paes-leme-oleo-de-rafael-falco

A morte de Fernão Dias Paes Leme, década de 40

Raphael Gaspar Falco ( Oran, 1885- São Paulo 1967)

Óleo sobre tela

 

 

 

 

 

 

 

Fernão Dias Paes Leme

 

 

                                              Afonso Louzada

 

 

Varando as regiões desconhecidas,

entre matas e rios e montanhas,

no calor das audácias e façanhas,

buscando as pedrarias escondidas.

 

 

as “bandeiras” rasgavam as entranhas

da terra virgem;  mil lutas renhidas,

desbravando paragens mal feridas,

no assombro das florestas mais estranhas.

 

 

Na braveza das serras misteriosas

atrás das esmeraldas, alma brava

que era de um povo o símbolo gigante,

 

 

as mãos crispadas apertando, ansiosas,

as suas pedras verdes, expirava

Fernão Dias Paes Leme, o bandeirante.  

 

 

Em:  Templo Abandonado, Afonso Louzada, Rio de Janeiro, Imprensa Nacional:1945.

 

 

 

 

Affonso Montenegro Louzada – (RJ – 1904 — ?), poeta, ensaísta, crítico, jornalista, teatrólogo, advogado, membro da Sociedade Homens de Letras do Brasil.  Hoje seu nome pode ser escrito assim: Afonso Lousada,

 

 

Obras: 

 

Peço a palavra, (1934),  – fábulas em versos.

La Fontaine (1937) ensaios sobre fábulas.

Melo Matos, o apóstolo da infância, (1938 )

O cinema e a literatura na educação da criança (1939)

O problema da criança (1940)

Delinqüência infantil (1941)

A ação do Juízo de Menores (1944

Templo abandonado (1945) – versos

Notas sobre a assistência a menores (1945)

Noturnos (1947) – versos

Literatura infantil (1950)

Histórias dos bichos (1954) – fábulas em versos.

 

 

Fernão Dias Paes Leme (1608-1681) nasce provavelmente na vila de São Paulo do Piratininga, descendente dos primeiros povoadores da capitania de São Vicente. A partir de 1638 desbrava os sertões dos atuais estados do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul, chegando ao Uruguai. Em 1661 fixa-se nas margens do rio Tietê, perto da vila de Parnaíba, e administra uma aldeia com cerca de 5 mil índios escravizados. Em julho de 1674 parte de São Paulo à frente da bandeira das esmeraldas, da qual Fazem parte o genro Manuel da Borba Gato e os filhos Garcia Rodrigues Pais e José Dias Pais. Este último conspira contra o pai, que manda enforcá-lo como exemplo. A expedição alcança o norte de Minas Gerais, e por mais de sete anos o bandeirante explora os vales dos rios das Mortes, Paraopeba, das Velhas, Aracuaí e Jequitinhonha. Encontra turmalinas, que pela cor verde confunde com esmeraldas. Morre de malária, ao retornar a São Paulo.





Brasil que lê: foto tirada em lugar público

8 03 2009

dsc05169

“Mas qual foi mesmo resultado do jogo de ontem? ”  — Praia de Copacabana, RJ.





Meninos e meninas, leitores de peso!

8 03 2009

anne-belov-eua-monica-reading-2000

Monica Lendo, 2000  

Anne Belov  (EUA, Filadélfia)

Óleo sobre tela

 

 

 

 

 

O jornal O Globo de hoje, 7 de março de 2009, em seu caderno GLOBINHO,  dedicado aos mais jovens, traz um artigo na primeira página que é alentador.  Intitulado Devoradores de Livros, o artigo escrito por Christine Lages, mostra o interesse na leitura desenvolvido por muitos meninos e meninas dos 9 aos 12 anos.  Este interesse está refletido na leitura não de livros com ilustrações coloridas e letras grandes, maiores do que as usadas em livros de prosa, mas por livros, que  sem ilustrações ainda são grossos,  com muitas e muitas páginas, que poderiam facilmente intimidar até um adulto.  

 

Estes novos leitores já devoraram os livros de Harry Potter e agora estão expandindo seus horizontes por outras áreas.   Duas meninas de 11 e 12 anos por exemplo já leram os três títulos publicados em português da escritora americana Stephenie Meyer.  Enquanto que outra da mesma idade já havia anteriormente lido diversos livros da série da Princesa de Meg Cabot.   Diogo, um menino de 9 anos, já consumiu as histórias de Harry Potter e diz claramente: Gosto de pegar nos livros antes de dormir, depois que termino o meu dever de casa, e quando os meus pais estão lendo.

 

Junto a este artigo há uma lista dos livros de grandes sucessos que reproduzo aqui, para facilitar aqueles que gostariam de apresentar algumas histórias fascinantes para estes jovens leitores.  Bom proveito!  Incentive a leitura.  E veja que o exemplo em casa sempre fala mais alto!

 

 

GRANDES SUCESSOS, lista de O GLOBO:

 

 

De Stephenie Meyer:

 

 

 a-crepusculo

 

 

 

           Crepúsculo, editora: Intrínseca, 2008: 416 páginas

 

Crepúsculo poderia ser como qualquer outra história não fosse um elemento irresistível: o objeto da paixão da protagonista é um vampiro. Assim, soma-se à paixão um perigo sobrenatural temperado com muito suspense, e o resultado é uma leitura de tirar o fôlego – um romance repleto das angústias e incertezas da juventude – o arrebatamento, a atração, a ansiedade que antecede cada palavra, cada gesto, e todos os medos. Isabella Swan chega à nublada e chuvosa cidadezinha de Forks – último lugar onde gostaria de viver. Tenta se adaptar à vida provinciana na qual aparentemente todos se conhecem, lidar com sua constrangedora falta de coordenação motora e se habituar a morar com um pai com quem nunca conviveu. Em seu destino está Edward Cullen.

 

Ele é lindo, perfeito, misterioso e, à primeira vista, hostil à presença de Bella o que provoca nela uma inquietação desconcertante. Ela se apaixona. Ele, no melhor estilo “amor proibido”, alerta: Sou um risco para você. Ela é uma garota incomum. Ele é um vampiro. Ela precisa aprender a controlar seu corpo quando ele a toca. Ele, a controlar sua sede pelo sangue dela. Em meio a descobertas e sobressaltos, Edward é, sim, perigoso: um perigo que qualquer mulher escolheria correr.

 

Nesse universo fantasioso, os personagens construídos por Stephenie Meyer – humanos ou não – se mostram de tal forma familiares em seus dilemas e seu comportamento que o sobrenatural parece real. Meyer torna perfeitamente plausível – e irresistível – a paixão de uma garota de 17 anos por um vampiro encantador.

 

 

a-luanova

 

           Lua Nova, editora: Intrínseca, 2008: 480 páginas

 

Para Bella Swan, há uma coisa mais importante do que a própria vida: Edward Cullen. Mas estar apaixonada por um vampiro é ainda mais perigoso do que ela poderia ter imaginado. Edward já resgatara Bella das garras de um mostro cruel, mas agora, quando o relacionamento ousado do casal ameaça tudo o que lhes é próximo e querido, eles percebem que seus problemas podem estar apenas começando…

 

Legiões de leitores que ficaram em transe com o best-seller Crepúsculo estão ávidos pela seqüência da história de amor de Bella e Edward. Em Lua nova, Stephenie Meyer nos dá outra combinação irresistível de romance e suspense com um toque sobrenatural. Apaixonante e cheia de reviravoltas surpreendentes, essa saga de amor e vampiros segue rumo à imortalidade literária.

 

a-eclipse

 

 

           Eclipse, editora: Intrínseca, 2009: 464 páginas

 

“Havia algo que Edward não queria que eu soubesse. Algo que Jacob não teria escondido de mim. Algo que pôs tanto os Cullen quanto os lobos no bosque, movendo-se juntos numa proximidade perigosa. (…)  Algo que eu, de algum modo, esperava. Que eu sabia que aconteceria de novo, tanto quanto desejava que jamais acontecesse. Nunca teria um fim, teria?”

 

Enquanto Seattle é assolada por uma sequência de assassinatos misteriosos e uma vampira maligna continua em sua busca por vingança, Bella está cercada de outros perigos. Em meio a isso, ela é forçada a escolher entre seu amor por Edward e sua amizade com Jacob – uma opção que tem o potencial para reacender o conflito perene entre vampiros e lobisomens. Com a proximidade da formatura, Bella vive mais um dilema: vida ou morte. Mas o que representará cada uma dessas escolhas?

 

 

De Meg Cabot:

 

 

a-odiariodaprincesa

 

 

           O diário da princesa, RJ, editora: Record, 2001: 288 páginas

 

 

Mia é uma adolescente como qualquer outra mas, um belo dia, sua vida vira de cabeça para baixo. Normalmente ela só vê o pai no Natal. O pai é na realidade um príncipe, e descobre que não pode ter mais filhos. Mia torna-se a única herdeira do trono de Genovia, transformando-se numa celebridade. Mas descobre que a vida de uma princesa pode ser muito dura. O livro se transformou em filme nas mãos do diretor Garry Marshall e conta com a participação de Julie Andrew e Anne Hathaway.

 

b-avalon-high

 

           Avalon High, RJ, editora: Record, 2007: 350 páginas

 

Avalon High pode não ser exatamente o lugar onde Ellie gostaria de estudar, mas até que não e tão ruim assim. Uma escola americana normal, freqüentada pelos mesmos tipos de sempre: Lance, o esportista; Jennifer, a animadora de torcida; e Will, o presidente da turma, jogador talentoso, bom momo… e muito charmoso! Mas nem todos na Avalon High são o que pensam ser… nem mesmo Ellie, como ela logo vai descobrir.

 

 

Depois de um esbarrão durante uma corrida no parque, os destinos de Ellie e Will parecem estar irremediavelmente entrelaçados. Ela começa a notar uma série de estranhas coincidências entre o seu cotidiano e a lenda do rei Arthur -nomes similares, triângulos amorosos, sociedades secretas -, mas qual seria seu verdadeiro papel nessa história? Como em Camelot, estariam seus novos amigos fadados a um trágico destino? E, pior, o que ela pode fazer para impedir que uma profecia milenar se cumpra mais uma vez?

 

De J. K. Rowling:

 

c-potter-pedra

 

     

           Harry Potter e a pedra filosofal, RJ, Rocco: 2000:263 páginas

 

 

Primeiro volume da série. Prepare-se para entrar no mundo da magia, sonhar com os feitiços que só se aprendem em Hogwarts e detestar uma família adotiva. Este é um resumo raso do mundo de Harry Potter, o menino que tem um raio na testa. De forma divertida, no ritmo dos melhores filmes de aventura, a escocesa J.K. Rowling está conquistando o mundo com a série, que deverá chegar a sete volumes.

 

a-potter-camara

 

 

           Harry Potter e a câmara secreta, RJ, Rocco: 2000: 288 páginas

 

Segundo livro da saga do atrapalhado aprendiz de feiticeiro. Desta vez, terríveis perigos rondam o Colégio Hogwarts de Magia e Feitiçaria. Harry e seu amigo Ron terão que enfrentar tenebrosos monstros e, o que é pior, a encarnação nada amigável de seu inimigo número um: Lorde Voldemort.

 

 

a-potter-e-o-prisioneiro

 

Harry Potter e o prisioneiro de Azkaban, RJ, Rocco: 2000: 366 páginas

 

As aulas estão de volta a Hogwarts e Harry Potter não vê a hora de embarcar no Expresso a vapor que o levará de volta à escola de bruxaria. Mais uma vez suas férias na rua dos Alfeneiros, 4, foi triste e solitária. Tio Válter Dursley estava especialmente irritado com ele, porque seu amigo Rony Weasley tinha lhe telefonado. E ele não aceitava qualquer ligação de Harry com o mundo dos mágicos dentro de sua casa. A situação piorou ainda mais com a chegada de tia Guida, irmã de Válter. Harry já estava acostumado a ser humilhado pelos Dursley, mas quando tia Guida passou a ofender os pais de Harry, mortos pelo bruxo Voldemort, ele não agüentou e transformou-a num imenso balão. Irritado, fugiu da casa dos tios, indo se abrigar no Beco Diagonal.

 

Lá ele reencontra Rony e Hermione, seus melhores amigos em Hogwarts e, para sua surpresa, é procurado pelo próprio Ministro da Magia. Sem que Harry saiba, o ministro está preocupado com o garoto, pois fugiu da prisão de Azkaban o perigoso bruxo Sirius Black, que teria assassinado treze pessoas com um único feitiço e traído os pais de Harry, entregando-os a Voldemort. Sob forte escolta, o garoto é levado para Hogwarts.

 

Na escola as dificuldades são as de sempre: Severo Snape, o professor de Poções, o trata cada vez pior, enquanto ele tem de se esforçar nos treinos de quadribol, e levar Grifinória à vitória do campeonato. Para piorar a situação, os terríveis guardas de Azkaban, conhecidos por dementadores, estão de guarda nos portões da escola, caso Sirius Black tente algo contra Harry. Por fim, Harry tem de enfrentar seu inimigo para salvar Rony e obrigado a escolher entre matar ou não aquele que traiu seus pais.

a-potter-eo-calice

 

           Harry Potter e o cálice de fogo, RJ, Rocco: 2001: 584 páginas

 

Verão, Harry Potter, agora com 14 anos, sente sua cicatriz arder durante um sonho bastante real com Lord Voldemort, o qual não consegue esquecer; três dias depois, já em companhia da família Weasley, com quem foi passar o restante das férias, na final da Copa Mundial de Quadribol, os Comensais da Morte, seguidores de Você-Sabe-Quem, reaparecem e alguém conjura a Marca Negra ? o sinal de Lord Voldemort ? projetando-a no céu pela primeira vez em 13 anos, causando pânico na comunidade mágica. Será que o terrível bruxo está voltando? Tudo indica que sim…

 

O ano letivo já começa agitado. Harry volta para a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts para cursar a quarta série. Acontecimentos inesperados ? como, por exemplo, a presença de um novo professor de Defesa contra as Artes das Trevas e um evento extraordinário promovido na escola ? alvoroçam os ânimos dos estudantes. Para surpresa de todos não haverá a tradicional Copa Anual de Quadribol entre Casas. Será substituída pelo Torneio Tribuxo, uma competição amistosa entre as três maiores escolas européias de bruxaria ? Hogwarts, Beauxbatons e Durmstrang ? que não se realizava havia um século. A competição é dividida em tarefas, cuja finalidade é testar a coragem, o poder de dedução, a perícia em magia e a capacidade de enfrentar o perigo dos campeões. Liderados pelo professor Dumbledore, os alunos de Hogwarts terão de demonstrar todas as habilidade mágicas e não-mágicas que vêm adquirindo ao longo de suas vidas.

 

Apesar de alunos menores de 17 anos não poderem se inscrever no Torneio, inexplicavelmente Harry é escolhido pelo Cálice de Fogo, um grande copo de madeira toscamente talhado cheio até a borda com chamas branco-azuladas, para competir como um dos campeões de Hogwarts. Tendo a seu lado os fiéis amigos Rony Weasley, Hermione Granger e agora também o seu padrinho, o bruxo Sirius Black, que fugiu de Azkaban no ano anterior, o menino feiticeiro tentará escapar mais uma vez das armadilhas de Lord Voldemort.

 

Além de todos os desafios, há feitiços a serem aprendidos, poções a serem preparadas e aulas de Adivinhação, entre outras, a serem assistidas, Harry terá que lidar ainda com os problemas comuns da adolescência: amor, amizade, aceitação e rejeição.

 

Harry Potter é o tipo de livro que fascina, encanta, surpreende e prende a atenção até o último segundo. Uma série recomendada para todas as idades.

 

 

a-potter-e-fenix

 

 

 

           Harry Potter e a Ordem da Fênix, RJ, Rocco: 2003: 702 páginas

 

 

O quinto volume da série Harry Potter traz a mais longa das aventuras do aprendiz de feiticeiro: tem cerca de 255 mil palavras, pesa 800 gramas e tem tudo para surpreender os leitores. J. K. Rowling chegou a revelar que chorou ao escrever a morte de um dos personagens mais ligados a Harry Potter em A Ordem da Fênix, cujo título faz menção a uma sociedade secreta envolvendo parte dos professores da Escola de Magia. No livro, Harry não é mais um garoto. Aos 15 anos, continua sofrendo a rejeição dos Dursdley, sua estranhíssima família no mundo dos “trouxas”, ou seja, todos os que não são bruxos. Também continua contando com Rony Weasley e Hermione Granger, seus melhores amigos em Hogwarts, para levar adiante suas investigações e aventuras. Mas o bruxinho começa a sentir e descobrir coisas novas, como o primeiro amor e a sexualidade. Nos volumes anteriores, J. K. Rowling mostrou como Harry foi transformado em celebridade no mundo da magia por ter derrotado, ainda bebê, Voldemort, o todo-poderoso bruxo das trevas que assassinou seus pais. Neste quinto livro da saga, o protagonista, numa crise típica da adolescência, tem ataques de mau humor com a perseguição da imprensa, que o segue por todos os lugares e chega a inventar declarações que nunca deu. Harry vai enfrentar as investidas de Voldemort sem a proteção de Dumbledore, já que o diretor de Hogwarts é afastado da escola. E vai ser sem a ajuda de seu protetor que o jovem herói enfrentará descobertas sobre a personalidade controversa de seu pai, Tiago Potter, e a já anunciada morte de alguém muito próximo. O desaparecimento de um dos personagens centrais da trama é um dos trunfos de A Ordem da Fênix que, com isto, transforma-se no livro mais dramático da série até agora. Não foi por acaso que J. K. Rowling chegou às lágrimas escrevendo.

 

a-potter-e-principe

 

           Harry Potter e o enigma do príncipe, RJ, Rocco, 2005: 510 páginas

 

 

Este é o sexto volume das aventuras de Harry e seus amigos. Esta turma agora está no sexto ano da escola de Bruxaria e Magia Hogwarts.   Em meio à batalha entre o bem e o mal, o poder de Voldemort e seus seguidores está aumentando dia após dia e a luta contra Voldemort não está indo bem. Ron procura por nomes familiares nas páginas do obituário do Profeta Diário. A Ordem da Fênix já sofreu algumas perdas. Os gêmeos Weasley ampliam seus negócios. Adolescentes lutam e se apaixonam. As aulas não têm sido fáceis, embora Harry receba ajuda do misterioso príncipe. Em Hogwarts, Harry procurará pela verdadeira e completa história do menino que se tornou Lord Voldemort – e assim, descobrirá o que pode ser sua única vulnerabilidade.

 

 

a-potter-morte

 

           Harry Potter e as relíquias da morte, RJ, Rocco, 2007: 590 páginas

 

 

 

A conclusão da saga do bruxinho mais querido do mundo esta prestes de começar!  Voldemort está cada vez mais forte e Harry Potter precisa encontrar e aniquilar as Horcruxes para enfraquecer o Lorde das Trevas e poder enfrentá-lo. Nessa busca desenfreada, contando apenas com os leais amigos Rony e Hermione, Harry descobre as Relíquias da Morte, que serão úteis na batalha do bem contra o mal. Ação eletrizante conduzida com maestria por J. K. Rowling, concluindo os passos de herói de Harry Potter na maior saga bruxa de todos os tempos.

 

 

 

De Júlio Verne:

 

 

 

a-ilha-misteriosa

 

           A ilha misteriosa, RJ, Ediouro, 2006: 204 páginas

 

 

Um balão cai perto de ilha desconhecida no Oceano Pacífico. Os cincos sobreviventes enfrentam os obstáculos naturais impostos pela ilha misteriosa, desde animais selvagens e temperaturas extremas a um navio repleto de piratas. Nessa história empolgante, com um final surpreendente, Verne combina aventura e pesquisa científica em uma narrativa clara e dinâmica, entremeada pelo humor, ironia e criatividade.  

 

O artigo também menciona o livro Pippi Meialonga, de Astrid Lindgren, que tem duas edições no momento, a maior delas com 208 páginas .  Seguido em popularidade por Túneis de Brian Williams e Roderick Gordon com 480 páginas.








%d blogueiros gostam disto: