Trova de ser mãe II

12 05 2012

Ilustração anônima.

Quando todos te abandonem

e ninguém te queira ver,

ela  te  segue  e  procura

pois ser mãe – é compreender!

(J. G. de Araújo Jorge)





Ingredientes para um best-seller!

12 05 2012

O leitor, 1856

Ferdinand Heilbuth ( França, 1828-1889)

óleo sobre tela, 32 x 40 cm

Então, J.K. Rowling lançará seu primeiro romance para adultos em setembro deste ano e ele já está prometido para chegar às nossas livrarias, traduzido, o mais rápido possível de preferência antes do Natal, pela editora Nova Fronteira.  Há grande expectativa de sucesso.  Será que ela conseguirá fazer de leitores adultos um grupo tão fiel quanto conseguiu ter com os leitores adolescentes?  Essa notícia estampada nos jornais da semana me levou a considerar o que faz um romance ter sucesso? O que faz um romance ser um best seller? Será que a fórmula para agradar a adolescentes seria diferente da fórmula para adultos?

Muitos já se preocuparam como o assunto, mas o professor de literatura James W. Hall conseguiu encontrar 12 pontos que todos os best-sellers têm em comum, a lista e sua discussão estão bem elaboradas no livro Hit Lit: Cracking the Code of the Twentieth Century’a Biggest Bestsellers. A lista se refere aos best sellers nos Estados Unidos.  Entre as descobertas estão algumas que até parecem óbvias demais e que nos fazem questionar se realmente prestamos atenção quando nos envolvemos na leitura de um best-seller.  Por exemplo, seguem 3 pontos quase óbvios, depois que pensamos sobre o assunto:

1) todos os heróis dos grandes sucessos de vendas em livros do século XX, são personagens que passam muito pouco tempo pensando, são heróis de ação, do quais sabemos muito pouco de seus passados, só o estritamente essencial, sem grande profundidade nas suas complexidades emocionais.

2) os personagens principais estão em geral envolvidos em questões sociais que são o tópico “quente” da época em que esses livros são publicados, tais como racismo, sexo e política.  Vejamos os exemplos: O sol é para todos de Harper Lee, ou  E o vento levou de Margaret Mitchell com o tópico de racismo em primeiro plano. O vale das bonecas de Jacqueline Susann é o exemplo do sexo como assunto “quente” de época, enquanto que A caçada ao outubro vermelho de Tom Clancy, seria um excelente exemplo do tópico de preocupação política na época de sua publicação.

3) as histórias principais dos best-selles podem ser resumidas em poucas palavras, são histórias cujo “problema” a ser resolvido é relativamente simples, mas que estão sempre colocados num ambiente bastante complexo, envolvidas no tecido social cujo tópico é de interesse no momento, como descrito acima.

Para quem pretende escrever um best-seller este é um livro que pode ajudar.








%d blogueiros gostam disto: