Palavras para lembrar — Emilie Buchwald

21 05 2012

Momentos especiais

Diane Leonard (EUA, 1949)

Gravura Glicee

“As crianças se tornam leitoras no colo de seus pais.”

Emilie Buchwald





21 de maio: dia da língua portuguesa!

21 05 2012

Retrato de Francisco Jácome, 1900

Abel Cardoso (Portugal 1877-1964)

óleo sobre tela, 63 x 85 cm

Museu Martins Sarmento, Guimarães

Hoje é o dia em que comemoramos a língua nacional, a língua portuguesa.  Esta é a nossa língua, é patrimônio cultural de nove países, falada por aproximadamente 273.000.000 – duzentos e setenta e três milhões de pessoas. É uma das línguas oficiais da União Europeia, do Mercosul, da União de Nações Sul-Americanas, da Organização dos Estados Americanos, da União Africana e dos Países Lusófonos.  É a quinta língua mais falada no mundo, a terceira mais falada no hemisfério ocidental e a mais falada no hemisfério sul, em todo o mundo.  No presente, além de Portugal e do Brasil, o português é a língua nacional de Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe, e Timor Leste.

O português é originário da região ao norte de Portugal no que hoje é a Galícia [parte ao extremo oeste da Espanha] e o norte de Portugal, derivado do latim vulgar que foi introduzido no oeste da península Ibérica há cerca de dois mil anos. Em 1297, com a conclusão da reconquista, o rei D.Dinis I prossegue políticas em matéria de legislação e centralização do poder, adotando o português como língua oficial em Portugal. O idioma se espalhou pelo mundo nos séculos XV e XVI quando Portugal estabeleceu um império colonial e comercial.





Quadrinha infantil do canário

21 05 2012

Passarinhos na primavera, ilustração Maurício de Sousa.

O canário não cantava,
entretanto, o vendedor,
a quem comprou explicava:
“Não canta, é compositor…”

(César Torraca)





Imagem de leitura — Alice Soares

21 05 2012

Menina lendo, 1953

Alice Soares ( Brasil, 1917-2005)

óleo sobre tela, 46 x 38 cm

Alice Ardoheim Soares nasceu em Uruguaiana, RS em 1917.  Frequentou o Instituto de Belas Artes de Porto Alegre, onde posteriormente veio a lecionar.  Depois de diversos prêmios nos Salões de Arte do Rio Grande do Sul e medalhas, Alice Soares se estabeleceu principalmente pelo retrato de crianças, principalmente meninas.  Residiu em Porto Alegre onde exerceu as profissões de pintora, desenhista e professora.  Faleceu em 2005.








%d blogueiros gostam disto: