Conversa de bar: que filmes você lista inesquecíveis visualmente?

12 09 2012

Cinema em casa, ilustração Stefan Dohanos.

Atividade de fim de semana: sair com amigos e jogar conversa fora.  Frustrados com as escolhas para idas ao cinema, resolvemos só nos encontrarmos, acompanhado de vinho, chope e guaraná zero,  listamos  desta vez os filmes que mais nos marcaram visualmente.   Só aqueles  filmes que têm uma, duas ou mais cenas visualmente inesquecíveis, que nos deixam boquiabertos, com surpresa e admiração, sem levar em conta o contexto da cena.   A lista foi diferente para cada participante.  E as razões das escolhas talvez mais interessantes do que as próprias seleções.  Mas certamente vale a pena  rever mentalmente aqueles filmes que marcaram.    Para quem gostaria de saber, aqui vai a minha lista, que pode ser aumentada a qualquer momento.  A ordem foi a ordem de chegada, ou seja, a ordem em que fui me lembrando.

1 – Melancolia, 2011, de Lars Von Trier.

2 – Titus, 1999, de Julie Taymor.

3 – Avatar, 2009, de James Cameron

4 – 2001 Odisséia no Espaço, 1968, Stanley Kubrick

5 – Gritos e sussurros, 1972 , Ingmar Bergman

6 – A festa de Babette, 1987, Gabriel Axwel

7 – Contatos imediatos de terceiro grau, 1977, Steven Spielberg

8 – Adeus minha concubina, 1993, Kaige Chen

9 – A partida, 2008, Yojiro Takita

10 – O tigre e o dragão, 2000, Ang Lee

11 – Império do Sol, 1987, Steven Spielberg

12 – O Piano, 1993, Jane Campion

13 —  Yol, 1983 ,de Yumaz Güney

14 – Os pássaros, 1963, de Alfred Hitchcock

15 — Blow up, 1966, de Micheangelo Antonioni








%d blogueiros gostam disto: