Sublinhando…

26 05 2015

 

 

GESTEL, Leo - Interieur mit lesender Frau, ost, 50x60, decada de 30Interior com senhora lendo, década 1930

Leo Gestel (Holanda, 1881-1941)

óleo sobre tela, 50 x 60 cm

 

 

“Por ser da minha terra é que sou nobre,

Por ser da minha gente é que sou rico.”

 

Olavo Bilac (Brasil, 1865-1918) do poema Aos meus amigos de São Paulo, também conhecido pelo primeiro verso: Se amo, padeço, e sonho, a recompensa.





Um poema — para todos — de Miguel Torga

26 05 2015

 

 

leitura, distração, georges lepape, vogueDistração, gravura George Lepape.

 

 

Um poema

Miguel Torga


Não tenhas medo, ouve:
É um poema
Um misto de oração e de feitiço…
Sem qualquer compromisso,
Ouve-o atentamente,
De coração lavado.
Poderás decorá-lo
E rezá-lo
Ao deitar
Ao levantar,
Ou nas restantes horas de tristeza.
Na segura certeza
De que mal não te faz.
E pode acontecer que te dê paz…


Miguel Torga, Diário XIII





Imagem de leitura — Heinrich Vogeler

26 05 2015

 

 

Heinrich_Vogeler_Martha_Vogeler_im_Barkenhoff_1901Martha Vogeler em Barkenhof, 1901

Heinrich Vogeler (Alemanha, 1872-1942)

Aquarela,  lápis e bico de pena sobre papel,  28 x 15 cm








%d blogueiros gostam disto: