Teto de vidro nos prêmios literários

12 06 2015

 

 

154-To-Kill-A-Mockingbird-Book-Realism-Bird-PaintingO sol é para todos *

Camille Engel (EUA, contemporânea)

óleo sobre tela, 50 x 40 cm

www.camille-engel.com

* [O título em inglês, To Kill a Mockingbird, faz trocadilho com o título do romance da escritora americana Harper Lee, conhecido no Brasil como O sol é para todos, e em Portugal como, Mataram a cotovia]

 

Um estudo por Nicola Griffith, abrangendo os principais prêmios literários em língua inglesa, nos últimos quinze anos, mostra que livros com personagens principais masculinos têm sido favorecidos nas premiações literárias. Ou seja, se o autor deseja ser premiado, seu personagem principal deve ser masculino.  Livros sobre mulheres, com personagens femininos têm menor chance de serem premiados.

O estudo revelou ainda que, contrário ao bons ventos da igualdade de direitos, há um teto de vidro nas editoras segregando mulheres nos postos mais baixos. Postos de chefia e de decisão editorial não estão  nas mãos de mulheres. Os números da pesquisa não deixam dúvida de que há uma preferência pelo ponto de vista masculino.

E, no entanto, há mais mulheres leitoras do que homens, no mundo inteiro. Assim como há mais mulheres no mundo do que homens em números absolutos. O ponto de vista feminino sobre a vida, sobre o mundo não deveria ser negligenciado.

Seria o mesmo aqui no Brasil?

 

Para o artigo inteiro: The Guardian


Ações

Informação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: