Peça de xadrez do séc. XIII descoberta na Noruega

3 02 2018

 

 

aHR0cDovL3d3dy5saXZlc2NpZW5jZS5jb20vaW1hZ2VzL2kvMDAwLzA5OC8wMjcvb3JpZ2luYWwvY2hlc3MtcGllY2UuanBn

 

 

No final de 2017 cientistas noruegueses descobriram esta peça de xadrez, um peão, em Tønsberg, Noruega.  A peça feita em chifre provavelmente tinha uma parte de ferro por dentro para dar estabilidade.  A peça, além da decoração abstrata de círculos e linhas incisas, tem uma protuberância como um “nariz ou focinho”.  Quando comparada a outras peças do antigo jogo chamado shatranj [que deu origem à palavra xadrez] pode-se deduzir que seria um cavalo no xadrez moderno.

O jogo de xadrez foi adotado pelos árabes depois que conquistaram a Pérsia no século VII.  Daí foi introduzido na Espanha no século X pelos mouros.  Da Espanha o xadrez se espalhou rapidamente pela Europa e pode ter aparecido na Escandinávia logo depois de ser apreciado na Espanha.

O grupo de arqueólogos do Norwegian Institute for Cultural Heritage Research (NIKU) disse que mesmo rara, essa peça de xadrez com influência árabe na decoração, é semelhante a outra peça do século X encontrada em Lund na Suécia.

 

Fonte: Live Science





Flores para um sábado perfeito!

3 02 2018

 

 

 

YARA TUPYNAMBÁ - Vaso de Flores - 33,5 x 20 cm - ASMDF - Ass. LD e Dat. 2011Vaso de Flores, 2011

Yara Tupinambá (Brasil,1932)

acrílica sobre madeira,  33 x 20 cm








%d blogueiros gostam disto: