Hoje é dia de feira: frutas e legumes frescos!

1 07 2020

 

 

GUTTMAN BICHO, GALDINO (1888-1955). Tacho, Espigas de Milho e Cocos sobre a Mesa, óleo smadeira, 38 X 50. Assinado no c.i.e e datado (1944) no versoTacho, Espigas de Milho e Cocos sobre a Mesa, 1944

Galdino Guttman Bicho (Brasil, 1888-1955)

óleo sobre madeira, 38 X 50 cm





Nossas cidades: Curitiba

30 06 2020

 

 

Guido Viaro – Água Verde, Curitiba, 1947Água Verde, Curitiba, 1947

Guido Viaro (Itália-Brasil, 1897 – 1971)

óleo sobre tela





Trova do sábio

30 06 2020

 

 

800-sargent3619framed3Richard Sargent (1911-1978)Ilustração de Richard Sargent (1911-1978)

 

 

Sábio nenhum há completo

Neste mundo, assim entendo:

Por mais que seja correto,

O sábio morre aprendendo…

 

(Sabino de Campos)

 

 





Flores para um sábado perfeito!

27 06 2020

 

 

BIANCO, Enrico, Flores,o s chapa de madeira industrializada, 1966, 73 x 49 cmFlores, 1966

Enrico Bianco (Itália/Brasil, 1918 – 2013)

óleo sobre chapa de madeira, 73 x 49 cm





A rã e o touro, Olavo Bilac

25 06 2020

 

 

illustrations_couleur_fables_de_la_Fontaine_par_Vimar_-_la_grenouille_qui_veut_se_faire_aussi_grosse_que_le_boeufIlustração de Auguste Vimar (1851-1916)

 

 

A rã e o touro
Fábula de Esopo

 

Olavo Bilac

 

Pastava um touro enorme e forte, à beira d’água.

Vendo-o tão grande, a rã, cheia de inveja e mágoa,

Disse: “Por que razão hei de ser tão pequena,

Que os outros animais só faça nojo e pena?

Vamos! quero ser grande! Incharei tanto, tanto,

Que imensa, causarei às outras rãs espanto!”

Pôs-se a comer e a inchar. E inchava, inchava, inchava!…

Mas em vão! Tanto inchou que num tremendo estouro

Rebentou e morreu, sem ficar  como um touro.

 

Essa tola ambição da rã que quer ser forte

Muitos homens conduz ao desespero e à morte.

Gente pobre, invejando a gente que é mais rica,

Quer como ela gastar, e inda mais pobre fica:

— Gasta tudo que tem, o que não tem consome,

E, por querer ter mais, vem a morrer de fome.

 

Em: Poesias infantis, Olavo Bilac, Rio de Janeiro, Francisco Alves: 1949, pp 127-8

 





Em casa: Marc Chalmé

25 06 2020

 

 

Marc Chalmé, ost, interiorInterior

Marc Chalmé (França 1969)

óleo sobre tela





Hoje é dia de feira: frutas e legumes frescos!

24 06 2020

 

 

MARYSIA PORTINARI. Pera e uva - o.s.t. - 18 x 24 cm - assinado no cie.Pera e uva

Marysia Portinari (Brasil, 1937)

óleo sobre tela, 18 x 24 cm





Na boca do povo: escolha de provérbio popular

23 06 2020

 

7b637aeb3dc6f8539088b3f728eff7b3

 

“Não corre mais o que caminha, mas sim o que mais imagina.”




Três poemas de José Ildone

22 06 2020

 

 

Martha Wendelin (Finnish. 1893-1986).Oma Koti, March 1934.Oma Koti, 1934

Martha Wendelin (Finlândia. 1893-1986)

óleo sobre tela

 

 

Três poemas de José Ildone

 

Receita

Tome este remédio.

É excelente,

Cura dores reumáticas,

traumáticas, gramáticas

e matemáticas.

 

Ode à distância

Nada é tão longe

que não se chegue

lá.

(Mesmo a morte)

 

Gaiola

Entre grades

passa

o canto

-manco.

 

 

Em: A lira na minha terra: poetas antigos e contemporâneos no Pará, Clóvis Meira, Belém: 1993, p. 243-4

 

 

 





Flores para um sábado perfeito!

20 06 2020

 

 

antonio-helio-cabral-vaso-de-flor-oleo-sobre-tela-100 x 80 cmVaso de flores

Antonio Hélio Cabral (Brasil,1948)

óleo sobre tela, 100 x 80 cm








%d blogueiros gostam disto: