Os colonos, poesia de Paulo Setúbal

25 04 2017

 

 

GEORGINA DE ALBUQUERQUE (1885 - 1962) - Colheita, o.s.e., 29,5 X 38,5 cm,Colheita

Georgina de Albuquerque (Brasil, 1885 – 1962)

óleo sobre tela, 29 x 38 cm

 

 

Os Colonos

 

Paulo Setúbal

 

Lá vem o dia apontando…

Que afã! Já todos de pé!

Ruidosos, tagarelando,

 

Vão os colonos em bando

Para os talhões de café.

 

À luz do sol que amanhece,

Por montes, por barrocais,

Por toda parte esplandece,

Com sua esplêndida messe,

O verde dos cafezais.

 

Começa o rude trabalho.

Que faina honrada e feliz!

Inda molhados de orvalho,

Flamejam, em cada galho,

Os bagos como rubis.

 

Trabalham.  que ardor de mouro!

Todos derriçam café.

Parece um rubro tesouro,

Que cai numa chuva de ouro,

Dos ramos de cada pé.

 

Ao meio-dia, aos ardores

Do alto sol canicular,

Os rudes trabalhadores,

Ao longo dos carreadores,

Põem-se todos a cantar.

 

Pela dormência dos ares,

Sob estes céus cor de anil,

Cantam canções populares,

Que lá, dos seus velhos lares,

Trouxeram para o Brasil.

 

Aqui, um forte italiano,

Queimado ao sol do equador,

Solta aos ventos, belo e ufano,

Num timbre napolitano,

A sua voz de tenor!

 

Há uma terna singeleza

Nas trovas que um outro diz;

Um rapagão de Veneza

Tem, no seu canto, a tristeza

Das águas do seu país.

 

E uma sanguínea espanhola,

De grandes olhos fatais,

Em baixa voz cantarola

Uns quebros de barcarola,

Magoados, sentimentais…

 

Que cantem! … Essa cantiga

Brotada do coração,

Seja a prece que bendiga

A terra que hoje os abriga,

A pátria que lhes dá pão.

 

Em: Poesia Brasileira para a Infância, Cassiano Nunes e Mário da Silva Brito, São Paulo, Saraiva: 1967, Coleção Henriqueta, pp. 56-57.

 

 

Salvar

Salvar





Todos os caminhos levam a Roma

25 04 2017

 

 

roads to rome

 

 

O imperador Augusto (63 a. E.C. —  19 E. C.) era um homem que gostava de dados.  Colocou na cidade de Roma, capital do império, uma pedra com a distância de Roma a todas as cidades mais importantes do domínio imperial.  Mais tarde Constantino iria se referir a esta pedra como o “umbigo de Roma” [Umbilicus Urbis Romae].  Esta é a origem da expressão “todos os caminhos levam a Roma”.   Os romanos construíram 87.000 Km de estradas pavimentadas à volta do Mediterrâneo, no auge do império.

Para dar uma ideia da grandeza do império, estima-se que haja em todo o Brasil 212.798 km de estradas pavimentadas (dados de 2010).





Imagem de leitura — Jean-Baptiste Marie-Pierre

24 04 2017

 

 

La Mauvaise NouvelleMás notícias, 1740

Jean Baptiste Marie-Pierre (França, 1714 – 1789)

óleo sobre tela

Museu Nissim de Camondo, França





Nossas cidades: Cuiabá

24 04 2017

 

 

YAREMA OSTOG (Austria, 1910- Brasil+ 1996) - Paisagem de Cuiabá,, O.S.T, 1950,38x46 cPaisagem de Cuiabá, 1950

Yarema D’Ostrog Gembatiuk (Áustria/Brasil, 1910-1996)

óleo sobre tela, 38 x 56 cm





Ler mais? Como? Quando?

24 04 2017

 

mary-jane-ansell-untitledDivisor de águas

Mary Jane Ansell (GB, 1972)

óleo

 

 

Muito se fala em ler mais para envelhecer melhor, manter o cérebro vivo.  Mas muitos parecem não encontrar meios de ler mais, de achar um momento para leitura.  Aqui ficam algumas ideias para consideração.

1 – Leia o que dá prazer.

2 – Deite-se 15 minutos mais cedo e leia um livro na cama.

3 – Tenha sempre o livro que está lendo com você.  Tempo de espera passa mais rápido com um livro na mão. Isso inclui: espera no médico, no dentista, no banco, nos Correios.

4 – Use “post it” notes para marcar passagens que parecem interessantes.

5 – Entre para um grupo de leitores na internet  como SKOOB ou GOODREADS.  Você vai  saber de outros livros que devem ser de interesse.

6 – Marque um objetivo de leitura.  Por exemplo: Um  livro por mês, ou um livro a cada seis semanas.  Isso já é mais do que a maioria das pessoas no Brasil.

7 – Faça uma lista dos livros lidos, dos objetivos alcançados.  Quando terminar, pense por uns cinco minutos nas razões de você ter ou não gostado do que leu. Dê uma nota ao que você leu.

8 – Tenha acesso a mais de um livro ao mesmo tempo: às vezes o seu momento emocional não é o melhor para certo tipo de livro. Se você tiver acesso a mais livros não perderá tempo para achar outra leitura, mais agradável naquele momento.

9 – Foque na leitura.  Não se deixe distrair pelo que ainda falta fazer, por exemplo.  Esse é o seu tempo.

10- Não há lei que obrigue você a ler um livro até o final, se não está gostando.  Seja prático. Passe para outro.  Há mais livros a serem lidos do que anos de vida à sua frente, mesmo que você só lesse na vida e não fizesse mais nada.

11 – Mantenha um caderninho com idéias sobre o que você está lendo, com nomes de autores e títulos que você acha que gostaria de ler.

Salvar

Salvar





Papalivros comemora 14 anos de existência!

23 04 2017

 

 

IMG-20170423-WA0026[1]17 dos 20 membros do Papalivros comemoram 14 anos de encontros.

 

Hoje o Grupo de Leitura Papalivros comemorou sua 168ª leitura e 14 anos de encontros, discussões e amizades.  Data memorável.  Ano que vem, prometemos fazer uma festança. A lista dos livros lidos pelo grupo encontra-se na página do grupo aqui no blog.

 

Slide1

Salvar

Salvar





23 de abril, Dia Mundial do Livro, esculturas de Nino Orlandi

23 04 2017

 

 

Il libro dei sogni Nino Orlandi, 1946O livro dos sonhos, Nino Orlandi (Itália, 1946), madeira

 

 

376069_565005236873015_727053174_nPara sempre, Nino Orlandi (Itália, 1946), madeira

 

 

NinoOrlandi2Sem título, Nino Orlandi (Itália, 1946), madeira

 

 

73375_517950384903369_1214220048_nSem título, Nino Orlandi (Itália, 1946), madeira

 

 

NinoOrlandi11Sem título, Nino Orlandi (Itália, 1946), madeira

 

 

NinoOrlandi6Sem título, Nino Orlandi (Itália, 1946), madeira

 

 

NinoOrlandi14Sem título, Nino Orlandi (Itália, 1946), madeira

 

 

NinoOrlandi12Sem título, Nino Orlandi (Itália, 1946), madeira

Salvar








%d blogueiros gostam disto: