Que tal escrever para adultos recém-alfabetizados?

4 06 2009

escritor de novo

Mickey, ilustração Walt Disney.

 

Um concurso literário vai distribuir R$ 90 mil em prêmios para oito escritores brasileiros e um autor de país africano de língua portuguesa que desenvolverem livros voltadas para alunos da educação de jovens e adultos (EJA). O Literatura para Todos, promovido pelo Ministério da Educação (MEC) tem como objetivo incentivar a produção de obras para o público adulto recém-alfabetizado.

Cada autor terá sua obra publicada, além de receber o prêmio de R$ 10 mil. As inscrições estão abertas até 20 de julho. A obra deve ser inédita e ter de 30 a 40 páginas. Podem concorrer textos nas modalidades: conto, novela, crônica, poesia, perfil biográfico, dramaturgia e textos da tradição oral.

O ministério ressalta que não serão aceitas obras com temas religiosos, que tratem de conduta moral ou com abordagens preconceituosas. O material deve ser enviado via Correios para o MEC. O edital está disponível na rede.

Também na área de EJA, encerra-se no dia 15 de junho o prazo para envio de propostas aos editais do Ministério da Educação para a área de educação de jovens e adultos. Os projetos devem ser voltados ao fomento à leitura, produção de materiais didáticos e formação de alfabetizadores e professores para essa modalidade. Estados, municípios, instituições públicas de ensino superior e entidades sem fins lucrativos podem participar da seleção. Mais informações no site do MEC.

Fonte: Agência Brasil





Inscrições no ProUni para bolsas de estudo até o dia 12 de dezembro

29 11 2008
Mauricio de Sousa

Ilustração: Maurício de Sousa

 

O Programa Universidade para Todos (ProUni) oferecerá para o ano que vem (2009) cerca de 156 mil bolsas de estudo em instituições de ensino superior privadas. As inscrições já estão abertas e seguem até 12 de dezembro exclusivamente pela internet. Só nos quatro primeiros dias (de 24 a 27 de novembro) do prazo, 185 mil candidatos se inscreveram.

 

 O ProUni oferece 95.694 bolsas de estudos integrais para estudantes de baixa renda e outras 60.722 com 50% do valor da mensalidade custeado. As bolsas parciais — as que custeiam 50% do valor da mensalidade — podem ser pleiteadas por estudantes cuja renda per capita familiar é de até três salários mínimos. Já as bolsas integrais são restritas a alunos com renda familiar de até um salário mínimo e meio por pessoa.

 

Os interessados em concorrer a uma bolsa de estudo do Programa Universidade para Todos (ProUni) podem se inscrever agora pelo do Ministério da Educação (www.mec.gov.br ).  O processo seletivo permitirá o ingresso em cursos de instituições particulares de educação superior no primeiro semestre de 2009. As inscrições podem ser feitas até 12 de dezembro.

 

Os candidatos devem ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) este ano, com média mínima de 45 pontos na prova objetiva e na redação. Além disso, é preciso ter cursado todo o Ensino Médio em escola pública ou, no caso de estabelecimento de ensino particular, na condição de bolsista integral.

 

O programa é aberto a estudantes que vão concluir o Ensino Médio em 2008 ou que concluíram essa etapa em anos anteriores.

 

Mais informações podem ser obtidas pelo site www.mec.gov.br  ou pelo telefone 0800.616161.

 

No momento da inscrição, o candidato precisa ter os números do Enem de 2008 e do CPF.  

Passe esta informação adiante!








%d blogueiros gostam disto: