A palmeira, poesia infantil de Walter Nieble de Freitas

4 09 2019

 

 

 

ANYSIO DANTAS - Tropicana I , serigrafia tiragem 76-100, assinado no canto inferior direito e datado de 1985. 89 x66 cm.

Tropicana I, 1985

Anysio Dantas (Brasil, 1933 – 1990)

serigrafia tiragem 76-100, 89 x 66 cm

 

 

A palmeira

 

Walter Nieble de Freitas

 

Alta, esguia, majestosa,

De uma beleza sem par,

Contemplo a esbelta palmeiraaaaa

Banhada pelo luar.

 

A seus pés um lago azul,

Onde em calma ela se mira,

Põe na paisagem noturna

Cintilações de safira.

 

De longe, chega em surdina

A voz rouca das cascatas:

É a sinfonia dos rios

Soluçando serenatas.

 

Nessa hora em que a noite é um templo,

E o firmamento, um altar,

Sob os círios das estrelas

Em silêncio a vi rezar.

 

Na linguagem da saudade,

O coração da palmeira,

Pedia as bênçãos do céu

Para a terra brasileira.

 

 

Em: Barquinhos de Papel: poesias infantis, Walter Nieble de Freitas, São Paulo, Difusora Cultural:1961, pp. 61-62





Hoje é dia de feira: frutas e legumes frescos!

10 01 2018

 

 

 

DJANIRAMelancias e Janela serigrafia a cores sobre papel, 50 x 33 cm. Assinada e datada no canto inferior direito, 1966.Melancias e Janela, 1966

Djanira da Motta e Silva (Brasil, 1914 – 1979)

serigrafia a cores sobre papel, 50 x 33 cm

 





Flores para um sábado perfeito!

26 08 2017

 

 

Newton Mesquita, Vaso de Flores, Serigrafia 71-100,50x70cm, 1990,Vaso de flores, 1990

Newton Mesquita (Brasil, 1949)

serigrafia, tiragem de 100, 50x70cm





Flores para um sábado perfeito!

17 09 2016

 

 

fang-passaro-na-janela-gravura-40-180-acid-sem-moldura-60x78cmPássaro na janela

Fang  [Fang Chen-Kong] (China/Brasil, 1931)

serigrafia, 60 x 78 cm

Salvar





Hoje é dia de feira: frutas e legumes frescos!

13 01 2016

 

 

GLÊNIO BIANCHETTI, SERIGRAFIA, Bananas, 57 x 84 cm, 36-50 CID, 1992Bananas, 1992

Glênio Bianchetti (Brasil, 1928-2014)

Serigrafia, 57 x 84 cm





Curiosidade: desde quando fazemos ferraduras para os cavalos?

18 04 2015

 

 

Aldir Mendes de Souza (1941-2007)Arando a terraSerigrafia, 2-100,45 x 65 cmArando a terra

Aldir Mendes de Souza (Brasil, 1941-2007)

serigrafia, tiragem de 100, 45 x 65 cm

 

 

O uso do arado no norte da Europa só começa a ser generalizado no início da Idade Média e foi o primeiro dos principais elementos da revolução agrícola da época.  O segundo e o terceiro elementos, que ajudariam nessa revolução da agricultura, e que também auxiliaram nas conquistas militares,  foram os arreios e a ferradura para os cavalos.  Não se sabe a data precisa do uso de ferraduras de ferro.  Ferro era um metal valioso e era, quase sempre, derretido para fazer novos objetos. Estima-se que as ferraduras de ferro, presas com pregos tenham aparecido durante o século IX.





Flores para um sábado perfeito!

14 03 2015

 

 

Sou Kit Gom (Brasil, 1973)Composição,2005, serigrafia,50 x 70 cmComposição, 2005

Sou Kit Gom (Brasil, 1973)

serigrafia, 50 x 70 cm








%d blogueiros gostam disto: